Rua Padre Chico, 85 cj 64 
Perdizes - São Paulo, SP 

contato@rosanamachado.com.br

 Tel: (11) 95030-6264

  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone Instagram
  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branca Ícone SoundCloud

 Desenvolvido por Curta a Ideia -  Marketing pelo bem. © 2019

Terapia Energética



A imperfeição de nossos pais é o convite para o desenvolvimento no aqui e agora. Transformar-se é uma escolha que pode ser vivida com consciência ou não.

Mesmo que a pessoa resista o corpo muda, às situações se modificam e a Vida se renova. A meu ver, conhecer, construir uma referência energética te permite construir uma consciência e uma maturidade espiritual. Por quê espiritual? Porque amplia e aprofunda o nosso conhecimento nos conduzindo à Fonte da vida e estimulando o  reconhecimento  da imagem e semelhança na criação que nos une  em totalidade.

O campo energético não é um caminho melhor ou pior, assim como, as inúmeras técnicas que são desenvolvidas. É diferente e pertence a nova ciência.

Por isto eu sugiro, não escolha uma técnica mas um assunto ou tema de sua vida e procure auxílio de um profissional que te oriente.

Eu percebo como terapeuta energética e psicóloga, que a energia amorosa está presente no corpo, nas emoções e alma como uma expressão  integradora e curadora. Porém, precisamos ter consciência para vivermos estes benefícios e adquirimos no processo de autoconhecimento ao nos libertarmos por exemplo, de dogmas e misticismo.

No contexto clínico ou mesmo nos grupos de Constelação Familiar Sistêmica é comum o espanto.

Isto é possível? É errado? Pode não dar certo? Tenho medo são falas frequentes.

Então se a sua busca é de trabalhos de autodesenvolvimento energético eu te sugiro:

1. Experimente buscar informações com profissionais experiente e que você confie;

2. Observe seu coração e de passos firmes com clareza do que quer encontrar;

3. Confie que toda mudança é uma abraço de sua Fonte sagrada impulsionando o Ser.

E se quiser companhia em sua jornada, entre em contato comigo!

Com amor, Rô.

0 visualização